Conectar-se

Esqueci minha senha

Últimos assuntos
» Biblioteca - Consegui a vaga? [Livre]
Ter Jun 11, 2013 2:46 pm por felipefalcon

» O festival das cerejeiras.
Seg Abr 15, 2013 5:18 pm por Darkaos

» Grande Evento em Aōba.
Dom Mar 24, 2013 1:44 am por Darkaos

» Cerimônia de abertura de aulas de 2013
Sab Mar 23, 2013 2:44 pm por Ryou Misaki

» (Clube de Kendô) O novo sensei (Trevor, Ryou, Nex)
Sab Mar 23, 2013 2:19 pm por Ammy

» Passos na areia (dupla)
Qui Mar 21, 2013 6:01 pm por Douglas Alves

» (Clube de Artes) O Quadro (Ryou, Chouko)
Seg Mar 18, 2013 1:14 pm por Ryou Misaki

» Retorno das aulas em 2013
Dom Mar 17, 2013 11:31 pm por Ammy

» Arrumando a papelada
Dom Mar 17, 2013 9:01 pm por GpI_NEKO

Clima este Mês

Naniwa entra no período de primavera a partir do dia 20. O tempo é fresco e ainda ocasionalmente frio. Chuvas tendem a serem rápidas e deixarem alguma névoa caso ocorram nas primeiras horas da manhã.
Novembro 2018
SegTerQuaQuiSexSabDom
   1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

Calendário Calendário

Staff do Fórum
Nosso botão
HTML Online Editor Sample

88x31
124x64
Parceiros



O guia do iniciante para roleplay cooperativo

Ir em baixo

O guia do iniciante para roleplay cooperativo

Mensagem por Ammy em Qui Out 18, 2012 10:29 pm

O guia do iniciante para roleplay cooperativo

Roleplay: Conceito
Agora eu não acho que alguém aqui não sabe o que é jogar rpgs já que você está em um site de RPG agora... Mas, no entanto, se você não tem certeza, então sinta-se livre para ler isto.

O jogo de roleplay pode ser definido como "uma ou mais pessoas, assumindo o papel ou o papel de um personagem em particular de um livro, a história de um filme, ou qualquer coisa dentro de um universo específico". Um ator em um filme é descrito como um 'role player' (interpretador de papel). Interpretar um papel não se restringe a apenas fazer a coisa toda na vida real ou através de ações reais, o que significa que qualquer um pode interpretar por escrito por exemplo, sem nenhum problema. A pessoa exercendo o 'papel' dentro de um roleplay pode ser definido como o "roleplayer".

No RPG, em essência, você está assumindo o papel de uma outra entidade, criatura ou pessoa. Você escreve as ações daquela entidade, pensamentos e palavras, em resposta a entidades de outras pessoas. É como uma espécie de peça de teatro onde todo mundo participa, exceto não tão live-action (ao vivo, com pessoas reais) e não tão ensaiado assim. Roleplay é menos do uma história de livro e mais como um diálogo (embora não limitado às duas coisas) com as possibilidades definidas pelo mundo em que os jogadores estão. Histórias de personagens podem se unir umas às outras se os jogadores quiserem ou você pode deixar as coisas fluírem naturalmente, sem pressa. É só um jogo. Um jogo em que só uma coisa é certa - tudo pode acontecer - porque você está no comando. Só não pule por cima do muro e vá inventando coisas impossíveis.

Antes de tudo....
Se você está apenas começando e você está inseguro quanto à forma de interpretar seus personagens, não tenha medo de pedir a alguns de seus colegas jogadores de conselhos e/ou dicas. Eu tenho certeza que a maioria, se não todos, estariam dispostos a levar algum tempo para ajudar alguém em necessidade.

Roleplayers bons são feitos, não nascem. Só porque alguém pode ser melhor do que você em RPG, isso não significa que você não pode fazer a mesma coisa. Com tempo e esforço se tornar um RPGista veterano é uma tarefa fácil.

Não se deixe intimidar por seus roleplayers companheiros. Assista e aprenda com eles. Isso muitas vezes pode lhe ensinar mais do que você seria capaz de aprender se você estivesse apenas lendo regras e aprendendo sozinho.

Nunca desista. Embora, em alguns casos isso possa não parecer ser a solução, dar de cara com a derrota é algo que você vai lidar com mais cedo ou mais tarde. É como você lida com o fato de não conseguir que é importante. Você sempre tem a opção de fazer um novo personagem, participar de um novo segmento, um novo tópico e/ou aprender com os erros que você cometeu no passado.

E uma das regras mais importantes de todas, é para lembrar que é um RP. Você está lá para se divertir e interagir com outros personagens e jogadores. Não leve as coisas muito a sério e lembre-se: Sempre divirta-se. É para isso que você está aqui.

Regras para Iniciantes em Roleplay:
  • Ao escrever, tente descrever as coisas com o melhor de suas habilidades. Tente dar ao leitor um retrato do que a sua descrição representa, para que eles possam assistir a batalha épica ou ouvir a piada como se estivessem lá. Descreva de maneira a fazer os outros sentirem o que você quer que eles sintam, ver o que você quer que eles vejam. Só não vire J. R. R. Tolkien durante o processo criativo. XD

  • Não exagere - Simplesmente, não passe do ponto e comece a descrever cada detalhe e, se o fizer, então não o faça por muito tempo.
    Exemplo, você vê uma porta. Não passe do ponto e descreva a porta, especialmente se ela tem características que uma porta normal deve ter. Todo mundo sabe o que é uma porta, então por que você escreve um monte de coisas sobre ela? Claro que você pode simplesmente afirmar coisas como a sua cor, ou coisas fora do comum para uma porta. Mas não afirme coisas óbvias, como ela tem uma fechadura e uma maçaneta, a menos que haja algo de estranho nelas.

  • Repetição. É importante evitá-la em todos os aspectos da escrita. Não vá repetindo coisas quando descrever.
    Exemplo:
    O sol estava quente, mas eu não me importava muito. Porque apesar de estar quente eu me sentia bem. Eu meio que gosto de coisas quentes em vez de frias. Eu não tive nenhuma explicação do porquê, mas eu simplesmente gostei. Talvez dobradores de fogo tenham um gosto natural por coisas quentes, eu imaginei.
    ...Um pouco entediante de ler, não? Tente sinônimos ou, se não for possível use termos parecidos. Calor, altas temperaturas... Há tantas maneiras de reconstruir frases. Acredite, há palavras suficientes no dicionário para descrever o que você quer contar.

  • Quando jogar com alguém certifique-se que suas duas personagens vão se dar bem: olhem as fichas uns dos outros. Não ponha a rica mimada no time do brutamontes sanguinário a menos que tenha um motivo muito bom para isso e uma maneira muito clara de garantir que a personalidade da sua personagem não irá fazê-la decidir chamar a polícia.

  • Não faça duas personagens se conhecerem logo de cara em um tópico. Prefira descrever o que cada um estava fazendo e então faça os dois se toparem casualmente no meio do caminho. Seus personagens não são robôs que ficam sentados esperando o outro ator aparecer na cena para conversar com ele.

  • Se de repente você odeia a pessoa com a qual que você está atualmente fazendo roleplay, não faça esses sentimentos transitar para a a interpretação. Termine a cena com os dois personagens da maneira que eles como eles teriam feito normalmente. Pronto. Agora respire fundo. Não foi tão difícil, foi?

  • Tente escrever tanto quanto eles escrevem. Se eles escrevem cerca de sete parágrafos, tente fazer pelo menos 4. Dessa maneira não vai haver aquela desconfortável sensação de que uma pessoa está produzindo mais do que a outra...



Regras que todo mundo deveria já saber de início, mas por algum motivo ninguém te conta até você ter pisado na bola... Não mais!

A arte do roleplay (interpretação de papel) é uma que envolve muitas regras não ditas e sutilezas. A conduta própria esperada de um roleplayer é seguidamente aprendida após um longo período de tempo, e novatos na comunidade são seguidamente jogados nesse mundo e se espera que eles saibam o que fazer e não fazer com o pouco de informação que tem. "Overpower" e "Modo Deus" são palavras jogadas ao redor para alertá-los mas explicações são raramente dadas - especialmente para casos pouco óbvios, que são seguidamente tomados por ofensas dos outros jogadores pelos iniciantes.

Eu procuro remediar as dificuldades dos novatos em seu processo inicial de ajustamento. Eu procuro salvar todo mundo de uma porção bem grande de dores de cabeça por apontar alguns poucos dos importantes "Pode e não Pode" de storytelling cooperativo. Eu não posso cobrir todos eles - e eu espero não ter de - mas irei fazer meu melhor para oferecer alguns bons conselhos sobre erros comuns.

Aqui vamos nós...


1) Não glorifique crimes e a luta de suas vítimas para superá-los.
Pessoas demais recorrem aos 'passados trágicos' quando começam a participar de roleplays, pensando nessas experiências como maneiras de criar um personagem interessante. Ao invés disso elas seguidamente terminam com uma história bastante clichê aonde alguém fica de mimimi com estranhos sobre sua oh tão trágica, história de vida inteira no exato momento que conhecem eles. O personagem se torna desinteressante 3 posts depois, pois já se sabe que tudo da vida dele em um tópico só. Tcharan. Além disso na maioria das vezes o personagem pode até acabar sendo ofensivo. Estupro não é tipicamente engraçado. Abuso não é necessariamente intrigante. Parentes mortos não tornam alguém um fracassado na vida nem um super humano. Esses conceitos não existem para serem tratados levianamente, você pode acabar insultando alguém que passou por isso...! Eu sugiro que você trate esses temas de maneira respeitosa ou simplesmente não os usem. Pessoas são intrigadas pela força que traz para fora verdades fundamentais da condição humana através de luta e superação constantes. Muitas vezes uma coisa cotidiana que é superada diariamente por alguém, fazendo um pouco de esforço a cada dia, pode tornar essa pessoa muito mais impressionante do que alguém que casualmente tem um troféu na prateleira. Se você pretende destruir uma parte do conceito do seu personagem apenas porque acha que isso fará dele o 'tal', eu sugiro que você comece a apagar seu histórico e escreva de novo.

2) Não tente forçar romances vazios nos personagens de outras pessoas
Nenhum personagem pertencendo à outro escritor irá ficar fixado em um personagem sem graça apenas por que você acha que vai ser divertido de interpretar os dois 'dando uns amassos'. Não há nada para o outro jogador ganhar com isso. Você não pode fazer surgir intimidade em pleno ar no mundo real. Então você não deve esperar poder forçar isso nos personagens dos outros em uma única postagem. Se o seu personagem é alguém a quem falta um profundo desenvolvimento de personalidade e cujo o único interesse é gratificação instantânea, caindo de amores por alguém em três minutos você precisa seriamente avaliar suas intenções como roleplayer. Plots românticos não são a única coisa que você pode criar por aqui. Os melhores romances desenvolvem naturalmente, embora vocês possam começar eles em qualquer estágio. Você pode colocar seu personagem em tópicos com personagens que você não acredita que são 'eles ou elas', por quê não? Histórias românticas podem começar no silêncio de um grupo de desconhecidos e, ainda assim, acabarem bem.


3) Tente não viver indiretamente através da sua personagem.
Talvez você deseje ser o super homem. Talvez você adore o personagem super homem e queira interpretar num roleplay da perspectiva dele. Tudo bem, desde que você perceba que o super homem é diferente de você, e você precisa permitir que ele aja realisticamente e apropriadamente. Ele deve lutar pelos seus objetivos, se esforçar e então ter sucesso. O problema surge quando você é incapaz de interpretar de um ponto de vista realista de acordo com a situação. Você não pode manipular histórias que outras pessoas escrevem apenas para ganhar gratificação instantânea. Você não pode dizer que o super homem salvou a mulher maravilha de um golpe enquanto ela estava distraída se a pessoa que interpreta ela não especificou na cena que eles estavam em perigo ou ela não concorde com isso e estava, de fato, lutando muito bem até agora. É rude tentar ser melhor que todo mundo criando situações que envolvam a personagem dos outros para favorecer a sua como o herói da cena a todo o instante. E fará outros jogadores reagirem de acordo.

4) Não pense que seu personagem não terá consequências pelas ações dele/dela.
Este amarra praticamente todo um roleplay... Seu personagem não pode ser perfeito e imune à todas as consequências. Se seu personagem faz algo para ofender ou causar problemas para outros, é provável que ele dará de cara com repercussões e você estará fazendo um erro massivo se tentar escapulir deles. Se seu personagem começa um rebelião conta o governo, ataca a cidade mais bem guardada em um país, daí rapta uma princesa, consegue escapar da cadeia e então ataca uma outra figura política de poder importante... Você deve entender que ela/ele tem que pagar por suas ofensas. Não há maneira de escapar chorando dizendo "Vocês estão me tratando de maneira injusta permitindo que meu personagem tenha que lutar contra uma multidão de gente enfurecida que sabem usar armas"... Especialmente quando você pode escapar das impossíveis, previamente citadas cadeias de eventos e crimes para começar e ninguém disse nada... (não disseram, mas pensaram!)

5) Não ignore todos os elementos do realismo simplesmente porque você está escrevendo ficção.
Até mesmo ficção tem regras. Não se espera que Roleplayers sejam cientistas de espaço-naves, mas é esperado de você, por exemplo, olhe na Wikipédia em 'eletrochoques' brevemente para descobrir quão facilmente ou não o seu tal poder de eletrotelecinésia pode matar um homem sob circunstâncias específicas. Você não dará subitamente ao seu personagem um relógio de bolso com mapa estrelar do ano 1124A.C e sairá ileso sem prestar explicações do porquê (e haja porquê...!). Você deve colocar um pequeno esforço para entender seus poderes, o mundo em que você está e possíveis maneiras de explorar coisas que você sabe ou pode vir a fazer de maneira lógica. Você pode fazer um erro às vezes, claro, mas isso não significa que seu personagem possa usar um top sem mangas para entrar em uma igreja na Idade Média sem consequências.

6) NÃO use "mas é magia" como uma desculpa para tudo.
Embora magia seja, por definição, um conceito incompreensível que não pode ser puramente explicado por ciência, a maneira que a magia é utilizada segue muitos fatores científicos. Uma criança de 5 anos provavelmente não pode reduzir um mestre dos magos de 54 à uma pilha de gosma com um estalar de dedos, e a maioria dos magos/bruxos/feiticeiros não esmagam o planeta piscando os olhos. Fogo é legal. E queima tanto aliados quanto inimigos e provavelmente incendiará qualquer construção em que você esteja dentro. Você deve aderir às regras de cada um dos sistemas de magias que você encontra para usá-las, sim, mas não havia nenhuma cláusula dizendo que você estaria escapando de todas as regras do realismo.

7) Não seja passivo-agressivo ou controle os outros para ter atenção
As regras de interação humana aplicam-se para as regras das comunidades de roleplay. Se você quer algo de outro jogador, simplemente faça seus desejos e intenções conhecidos para eles. Não tente manipular pessoas ou controlá-las para ter o que quer. Seja aberto, gentil e respeite os demais. Não se esconda por trás da anonimidade da internet e deixe sair 'dicas' de coisas maliciosas para intimidar os demais. Pessoas provavelmente estarão dispostas à ajudá-lo ou trabalhar com você enquanto você as tratar como pessoas que tem sentimentos e prioridades próprias. Se você não tem certeza de algo, pergunte ao invés de tentar forçar os outros a lhes darem as respostas sozinhos.

8) Lembrem-se: Roleplay é um passatempo.
Não uma tarefa. Pessoas irão cuidar de suas avós doentes antes de voltar à ficar online e postar com você. Algumas vezes elas terão de trabalhar ou ir à aula. Algumas vezes elas não poderão responder imediatamente quando for a vez delas. Ninguém gosta de ser 'domesticado' à responder tópicos. Ninguém quer ser forçado a escrever quando não se sente a fim. Uma nota gentil de "Oi? Lembra-se deste tópico...? Pois é, a sua vez e já faz algum tempo... Você está disponível no momento ou devo pular seu turno? Obrigado. Espero que esteja tudo bem por aí." deve bastar para obter uma resposta mas não espere que as pessoas tornem você e a sua história o centro do mundo deles. Permita que eles se divirtam e não se torne tão linha-dura que as pessoas não tem a liberdade de viver suas próprias vidas.

9) Tome seu poder como roleplayer em suas mãos e faça um esforço para divertir a si mesmo
Você não pode depender das pessoas para criar tópicos interessantes a todo o momento. Você não deve esperar que os administradores te tomem pela mão para sempre e façam qualquer coisa que você quiser acontecer para você. Incríveis, inspiradoras histórias não caem do céu no seu colo. Você deve ativamente procurar oportunidades para tirar o máximo proveito de sua experiência de interpretação. Junte-se à tópicos abertos, ofereça sua personagem em histórias que irão ajudar outros, providencie idéias para histórias você mesmo, crie tópicos e deixe outros jogadores se juntarem à você... Comunique-se com seus companheiros roleplayers. Não fique só sentado aí esperando todo mundo resolver se amontoar ao seu redor como ovelhas.

10) E o mais importante, lembre-se que roleplaying é um método de contar histórias em conjunto - um esforço de equipe.
Roleplaying não é só sobre você e seus planos. Para achar sucesso e verdadeiramente se divertir em comunidades de roleplay você deve doar para receber em troca. Você não deve esperar que todo mundo vai se conformar com as necessidades do seu personagem ou da sua história se você não oferecer nada em troca. Você tem que se envolver em tópicos que outras pessoas estão fazendo e participar de tópicos e histórias mutuamente beneficiais. Apenas então você irá experimentar o melhor que roleplaying têm à oferecer. Apenas então pessoas irão desenvolver interesse em, verdadeiramente, ajudá-lo a desenvolver uma história fantástica e a desenvolver suas habilidades de escrita em seu potencial pleno.

...Desde que você deixe elas participarem de sua fantástica história também, claro. ;)
avatar
Ammy
Admin
Admin

1a Personagem Hideyoshi Chouko (Link)
Escorpião Macaco
Mensagens : 228
Pontos de Criação: : 11747
Reputação: : 12
Data de inscrição : 02/09/2012
Idade : 26

Ver perfil do usuário http://oportal.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum